Conhecimento

image

Dr.López

Eu e os demais colegas do nosso instituto admiramos muito sua capacidade de dividir conhecimentos….
Sei que seu tempo é precioso e sua dedicação aos estudos é prioridade…
Mas nossos pecados precisam de perdão.
Seria o perdão uma marca evolutiva do homem?
Eu te perdôo mas não repita mais isso ou aquilo….
Um abraço
Dr.Antonio

Locked out heaven

image

Foto da Sra.Bizzotto

Caro Dr.López!

Segue um link, que me foi enviado por membros da Escola de Saúde Mental. Trata de algo muito duro,doloroso e com viés cultural que provalvelmente sera questionado. O infanticídio…índios da tribo hakani, na amazônia,enterram crianças que tenham doenças, deficiências físicas ou mentais, por acreditarem que elas trazem má sorte! No link ,há um video mostrando tal prática!
Sei que estás estudando o apego aos animais e a semelhança do luto e melancolia que a morte deles gera nos donos,que cada vez mais esgotam os recursos possíveis para evitar o sacrifício.
Conto com seu posicionamento.
Abraços
Dr.Antonio.
http://www.hakani.org/pt/campanha/campanha_email.pdf

Tupamaros

image

Dr.Antonio

Não se zangue com minha indisciplina com os compromissos do nosso querido instituto…mais do que defender nossos princípios, eu estou vivendo todos eles…veja só,contas pagas,filhos criados,carteira de motorista em dia e como estandarte o céu azul e mar turquesa…
Não conte comigo pelos próximos dez dias…
Aproveite o Papa…
Eu,vou papar cordeiros,bois e aproveitar os vinhos do velho José Mujica…
Abraço.
Dr.Andre

Fofocas

image

Querido Dr.Andre

Estamos felizes com seu entusiasmo amoroso,poético e inconseqüente…
São três compromissos que você faltou e com uma desculpinha fajuta, de meia tigela…
Dr.López vem contemporizando,fazendo vista grossa, mas é hora de dar um basta!
A vida não é somente feita de lua e estrela,há que se lutar pelos ideais com empenho e trabalho.
Trate de colocar os pés no chão e entregar logo os protocolos dos estudos sobre o próprio e o impróprio nas relações pais e filhos…
Sem mais delongas…
Dr.Antonio

Horizonte

image

Dr.Antonio

Não são todas as mães culpadas!
Meus comentários sobre as relações mães e filhos,nascem da observação das famílias que cotidianamente vejo na clinica.
Já falamos sobre as vulnerabilidades da mulher,principalmente durante e pós gestação…
Mas a conversa agora é outra.
Uma das coisas que estou aprendendo é escrever mensagens pelo telefone…difícil, meu aparelho é obsoleto e só permite textos curtos.Assim voltei ao haikai,para demonstrar meu amor e entusiasmo com horizonte…
Logo mais estarei em Montevideo e de lá mandarei lembranças!
Abraços

Dr.Andre

There is a light that never goes out

image

Dr.Roberto.

Grato por tornar possível esta grande retrospectiva, das relações entre pais e filhos.
A síntese do texto do Dr.Torres,foi oportuna pois o assunto é complexo e com formas de pensar a solidão tão diferentes.
Eu particularmente concordo contigo,quando falas sobre a dinâmica do princípio da fantasia e o princípio da realidade,atuando no adulto e gerando um sentimento,uma emoção que parece estranha e familiar,ao mesmo tempo.A sua experiência com a análise de crianças foi decisiva para consolidar o viés psicanalítico utilizado pelo Dr.Torres na compreensão do paciente que não queria crescer…
Tímido e retraído,vivia com sua mãe, sem preocupação com trabalho,interação social e amorosa. Isolado,preso a fantasias impossíveis e a falta do pai…sonhava acordado com projetos de herói, sucesso e plena satisfação. O acolhimento silencioso tornou possível aceitar a realidade pobre e triste e o reconhecimento do corpo de homem,não de menino, podendo então começar  elaborar a necessária separação da mãe.
Dr.Andre de modo irônico disse que as mães sempre serão culpadas…mas,o afastamento do pai não deve ser atribuído a função materna.Filhos e desejos não devem ser contraditórios.
O debate deve seguir com as polêmicas genéticas do Dr.López,defensor ferrenho deste modelo evolutivo.
Um abraço.
Dr.Antonio

Quick silver-service messenger

image

To Simon

So we are almost there…
Let’s look back to ever little thing
That you did make with your life!
No problem if you are afraid, those grey clouds,they will fade away! Remember the roads of Kenya,driving the land rover,watching the dust in a mirror…
Walk by the yellow sea of wheat in the south of Brazil!
Fell the fresh air of San Martin, during those hot summer days!
Take a deep breathe and dive in the crystal water from that river in the middle of no where…
Hold the arm of your best friend,who is trembling ’cause too much beer and help him jump the gate of Hyde park in London!
Look the eyes of your son…he became a man and just like you,he wish run,all over the world!
Don’t search for happiness…
You are happiness…
Miss you !

Sebastião Salgado

image

Dr.Andre e Dr.López!

Volto a insistir que ambos vejam a exibição de fotos,Gêneses,para que possam comentar o texto escrito pelo Dr.Torres, sobre a solidão. Belíssimas fotos que certamente irão provocar emoções, sentimentos significativos para a correta avaliação deste importante trabalho que nosso amigo escreveu. Eu,particularmente,acredito que o tom pessimista do relato sobre o  sentimento de solidão,possa ser modificado, pela constatação da realidade admirável que é a natureza!
A beleza do olhar de S.Salgado é
potente e comovente. A vida é maior que o homem!
Conto com vocês…

Dr.Antonio

Aéreo

image

Dr.Antonio

Escrevo,enquanto arrumo minha malinha, separo roupas e sapatos para passar o final de semana em São Paulo! Voltei a reaprender coisas,fato que me trouxe imensa alegria! Certamente continuarei a receber críticas por acreditar no amor, na poesia,na sincronicidade do encontro! Eu que nunca fui praticante religioso, estou as voltas com o divino,um tipo de emoção que apaziguá meu peito,dissolve a raiva e me faz querer bem!
Sobre os marcadores de memória,
não tive a santa paciência necessária para ler as doze paginas do texto que enviaste,vamos deixar que o Dr.López assuma este compromisso.
Gostaria de compartilhar com nossos amigos a incrível história dos macaquinhos agitados…que expulsos do convívio com outros macacos,só conseguem continuar a viver,se desenvolverem a amizade com outros macacos,desgarrados do grupo.
Fiquei muito comovido com os videos exibidos pelo grupo de antropólogos que realizam estes estudos!
Eu sou un macaco agitado…salvo por outros amigos macacos,também agitados!
Aproveite seu final de semana,pois eu vou aproveitar o meu!
Abs
Dr.Andre

Tangos e tragédias

image

Os longos dias de espera pelo fim eram mais tristes por falta do cigarro do que o silêncio, imposto pelo tumor…
Algumas músicas invadiam meus pensamentos,provocando suspiros de angústia e vontade de correr sem rumo certo…lutei enquanto tive forças,depois fui me entregando,já não importava mais…
Lembrei do meu avô, homem grande…no final ficou pequenino,permitindo que eu o carregasse no colo…foi quando falei baixinho,
Adiós nonino…

Idade dos anjos

image

Dr.Antonio

A resposta tardia ao seu questionamento sobre envelhecer bem,segue agora,em poucas linhas, as quais espero que o agradem…
Acho que os dois principais problemas a serem enfrentados são o entupimento e relaxamento!
O entupimento dos vasos,tubos e canais,proporciona uma série de sintomas desagradáveis que geram desconforto, restrições dietéticas e uso continuo de medicamentos!
O relaxamento,a que me refiro é da musculatura dos esfíncteres…
refluxos e incontinências…
Eu mesmo,depois de um final de semana arrasador,espumante e comida japonesa no sábado… domingo de carnes,levedo e a pimenta fatal do Sr.Bastos,estou de cama…repouso forçado!
Meus 60…
Mas,se depender do entusiasmo em viver vou aos 100!
Abraços
Dr.Noronha